As plataformas EAD têm conquistado cada vez mais espaço no mercado da educação devido às vantagens que oferecem em relação ao ensino presencial tradicional. Algumas dessas vantagens incluem: Flexibilidade: As plataformas EAD permitem que os alunos estudem de acordo com seu próprio ritmo e horário, podendo acessar as aulas e os materiais didáticos a qualquer momento e em qualquer lugar. Custos mais baixos: As plataformas EAD eliminam a necessidade de gastos com transporte, hospedagem e alimentação, tornando a educação mais acessível para pessoas que vivem em áreas remotas ou com recursos financeiros limitados.

Variedade de cursos: As plataformas de EAD oferecem uma ampla gama de cursos em diversas áreas do conhecimento, o que permite aos alunos escolherem o curso que melhor se adapta às suas necessidades e interesses. Tecnologia avançada: As plataformas de EAD utilizam tecnologia avançada, como vídeos interativos, gamificação e inteligência artificial, para oferecer uma experiência de aprendizado mais envolvente e eficaz.

Certificação: Muitas plataformas de EAD oferecem certificados e diplomas reconhecidos pelo mercado de trabalho, o que aumenta as chances de os alunos encontrarem empregos bem remunerados e valorizados.

Essas vantagens têm atraído cada vez mais pessoas para o ensino a distância, o que tem impulsionado o crescimento do mercado da educação online. Além disso, a pandemia do COVID-19 acelerou ainda mais essa tendência, já que muitas escolas e universidades foram forçadas a adotar a EAD como forma de garantir a continuidade do ensino durante o período de distanciamento social.

Se você está considerando contratar uma plataforma EAD pode estar se perguntando por onde começar. A boa notícia é que existem várias opções de plataformas EAD disponíveis no mercado! 

Confira neste artigo 9 plataformas EAD gratuitas para você criar o seu curso online.

Sim,  são nove.,WordPress, Moodle, Chamilo, LMS Atutor, Canvas, Hotmart, Eduzz, Monetizze e Udemy.

Confira agora alguns detalhes importantes sobre essas plataformas EAD e saiba um pouco mais sobre cada uma delas!

Primeiro, há de se avaliar vantagens e desvantagens de se utilizar plataformas EAD gratuitas. Vantagens, é gratuito.As plataformas EAD gratuitas oferecem muitas vantagens para quem deseja iniciar a hospedagem de seus cursos online, especialmente para aqueles que têm recursos financeiros limitados.  E cada uma dessas plataformas EAD em questão, vão te proporcionar algo diferente. 

Uma é layout, uma é acessibilidade, a outra é o pagamento só de comissionamento. Eu falei que é gratuito a utilização. E não 100% gratuito, embora as plataformas EAD gratuitas ofereçam muitas vantagens, elas também podem ter algumas desvantagens que devem ser consideradas antes de decidir hospedar seu curso online nelas. 

As plataformas EAD gratuitas geralmente têm recursos limitados em termos de ferramentas de ensino, suporte técnico e capacidade de armazenamento. Isso pode limitar sua capacidade de personalizar seu curso, oferecer suporte adequado aos alunos e hospedar conteúdo rico em mídia, como vídeos e animações, e representar um risco para migração no futuro.

É importante saber que você vai estar “sozinho”. Você não vai ter uma equipe de suporte técnico para te ajudar. Se tiver algum problema, se tiver alguma disponibilidade, o máximo que você vai ter é a hospedagem do site. Que pra você ter uma plataforma EAD gratuita, ainda sim você tem que registrar o domínio e ter a hospedagem do site em algum lugar pra que você hospede essa plataforma. 

Ela vai ser o código fonte hospedado em algum lugar, como se fosse hospedagem de um site, registre o domínio, hóspede, e crie a plataforma EAD utilizando alguma dessas. 

Lembrando que as de afiliados que eu falei, elas não são auto-hospedadas, ou seja, hospedadas no seu hosting, elas são hospedadas na utilização dentro da própria plataforma.

O que são plataformas de afiliados? 

Plataformas de afiliados são sites ou programas de software que conectam anunciantes e afiliados, com o objetivo de promover produtos e serviços e gerar vendas em troca de uma comissão. Os anunciantes são os proprietários dos produtos ou serviços que estão sendo promovidos, enquanto os afiliados são os indivíduos ou empresas que promovem esses produtos ou serviços em troca de uma comissão sobre as vendas.

E outra desvantagem, além do suporte, é a customização! Se você precisar de uma customização, você terá que contratar alguém para fazer se você não for programador, não tiver conhecimentos necessários para customizar e customizar qualquer coisa que seja, ou então fica preso a customização básica. 

Ah é uma plataforma EAD gratuita, o que eu preciso?” Bom, você precisa do cadastro simplificado do aluno, você precisa disponibilizar os cursos e você precisa disponibilizar certificado. 

Para quem trabalha com cartão de crédito precisa integrar uma opção de pagamento, você precisa emitir nota fiscal, então eu fui aqui bem singelo, todos esses passos ou você vai ter que aprender a fazer ou você vai ter que contratar alguém pra fazer. 

Mas a vantagem é que não tem mensalidade. Você paga uma vez só e depois vai pagar só a hospedagem do site, quando ela é auto-hospedada. Trinta reais, quarenta reais por mês, dependendo do volume de alunos que você tenha.

É muito barato. Sim, é muito barato.  Entretanto, reafirmando, você não tem qualquer amparo tecnológico que você não contrate. Suporte, você não tem integração com live. Vai ter que ficar fazendo aquelas gambiarras. 

Puxa ao vivo do Zoom para dentro da plataforma. Puxa ao vivo do Google Meet, puxa ao vivo do YouTube

Hospedagem e vídeo: traz vídeos sem proteção do YouTube, do Vimeo ou de qualquer outra dessas plataformas de hospedagem de vídeo que não são criptografadas e não somente a criptografia em si. É desaconselhado hospedar vídeos em plataformas sem proteção, pois isso pode colocar em risco a segurança do conteúdo.

O importante é que você tenha um ambiente completo para gestão do seu aluno, para o sucesso do seu negócio

Que essas plataformas ead gratuitas não sejam seu sócio ,que não cobre valores exorbitantes. 

E é por isso que falaremos de todas essas plataformas gratuitas para que você tenha um norte na hora de decidir entre utilizar uma plataforma gratuita ou utilizar uma plataforma privada da qual você vai pagar ali uma mensalidade, mas vai estar com todo o amparo necessário pro sucesso do negócio.

WordPress

Primeiro, WordPress. O WordPress faz a mesma coisa que as famosas área de membros aí pra galera do marketing digital, os infoprodutores. 

A ferramenta WordPress é um sistema de gerenciamento de conteúdo (CMS) gratuito e de código aberto mais popular do mundo, que permite criar, editar e publicar conteúdo na web sem a necessidade de conhecimentos avançados em programação. É uma das plataformas mais populares e amplamente utilizadas para criar sites e blogs.

Bem eu disse avançados, não significa que você não precisa entender nada de programação e tecnologia, e esta é uma grande desvantagem, você vai sempre ficar dependendo de um desenvolvedor/programador, e isto em geral, vai te trazer grandes dores de cabeça.

Você vai precisar integrar todas as aulas, seja ela gravadas ou ao vivo, fazer aquele movimento todo de integração de diversas ferramentas em uma só.

As plataformas que são área de membros, costumam ser um empecilho para que a pessoa prossiga com seu projeto, pois a operação fica tão longa e completa que você acaba desistindo, isso pagando uma mensalidade de usabilidade. Então, área de membros não são a melhor opção para o seu negócio. 

No WordPress, você paga alguém para desenvolver uma vez só, integra aquilo que você precisa e acabou. 

Desvantagem, as mesmas que eu citei antes. Vai continuar precisando integrar ao vivo com outra plataforma, hospedagem de vídeo com outra plataforma, uma vez que, o WordPress não possui a hospedagem de vídeo integrada e nem a transmissão ao vivo.

Partindo para a segurança, em se tratando de criptografia de ponta a ponta, quando você tem um WordPress entre um vídeo criptografado, ela não está de ponta a ponta. A plataforma não é criptografada de ponta a ponta. Então existem ali margens para que os piratas tirem o seu conteúdo.

E façam uso indevido dele, vendam, enfim sabemos como é a pirataria, é um assunto muito sério que a gente já tratou em outras postagens.

Moodle

Segunda plataforma EAD gratuita, o Moodle. O Moodle é uma plataforma de treinamento à distância.

O EAD mais utilizado no mundo. Ele é derivado de um CMS que se chamava Joomla. A partir do Joomla extraíram aí o Moodle e desenvolveram a plataforma EAD, ela é muito completa, muito bacana.

Desvantagem do Moodle, a mesma coisa. Precisa customizar, pagar algum programador para fazer a customização, hospedar, trazer uma plataforma de vídeo, trazer uma plataforma de live, trazer uma plataforma de conferência, integrar gateway de pagamento, tudo de forma externa.

Chamelon, LS Atutor e Canvas

O Chamelon, o LS Atutor e o Canvas Mas a plataforma que eu estou falando se chama Canvas LMS.

Todas essas que eu citei, o modus operandi dela que a gente fala é o mesmo. Elas são auto-hospedadas, o código fonte aberto e você vai precisar ter um desenvolvedor para poder fazer a customização necessária. 

Plataformas auto-hospedadas são sistemas de software que podem ser instalados e executados em servidores próprios ou alugados pelo usuário, em vez de serem hospedados em servidores mantidos por terceiros. Essas plataformas podem ser usadas para criar e gerenciar sites, aplicativos, fóruns, sistemas de gerenciamento de conteúdo e outras soluções de software que são executadas em servidores da web.

E é nesse momento que você começa a ter atenção para fazer contas. O que vale a pena, até quando vale a pena utilizar uma plataforma gratuita.

Cada acionamento que você fizer com um desenvolvedor vai te custar uma grana, quanto vai custar? Aí depende do desenvolvedor que você contratar. 

Quando você for customizar a plataforma, integrar com o seu banco ou com o Cielo, PagSeguro, PayPal, enfim, qualquer que seja o gateway de pagamento que você for utilizar, terá um custo.

Um custo start para desenvolver e customizar a plataforma e um custo de manutenção. 

E agora nós vamos falar das famosas plataformas de afiliados que popularizaram os cursos online, popularizaram uma forma até inteligente de vender curso com os afiliados, entretanto, essa questão de afiliados vem decaindo bastante, mas ainda assim essas plataformas são sim gratuitas.

Por que gratuitas? Porque você pode criar seu curso, organizar ele, até hospedar seu curso nessas plataformas e vender. A questão é que todas essas plataformas vão te cobrar um comissionamento. Aí varia de plataforma para plataforma.

As quatro plataformas EAD gratuitas que estão faltando são todas da mesma classe, afiliados, agregadores, setorizados, cada um fala isso de um nome diferente. 

Hotmart, Eduzz, Monetizze e Udemy

Hotmart que é a mais conhecida, Eduzz, Monetizze,e a Udemy

São boas plataformas e também gratuitas. Porém, é necessário fazer contas.

Quantos por cento essa plataforma vai te cobrar? Então você tem que fazer o cálculo até que ponto compensa. Você utilizar uma plataforma gratuita ou utilizar uma plataforma gratuita de afiliados que ela já tem suporte, pode te ajudar.

Mas te cobra uma comissão, às vezes até um pouco exagerada, depende as plataformas EAD , pode cobrar até sessenta, setenta por cento do lucro do seu curso fica com a plataforma.

O comissionamento de plataformas de aliados é uma forma de remunerar parceiros ou afiliados que ajudam a promover e vender produtos ou serviços de uma empresa. Funciona da seguinte maneira:

1 – Uma empresa que deseja expandir seus negócios pode criar um programa de afiliados, que oferece uma comissão a parceiros que indicarem seus produtos ou serviços.

2 – Os parceiros, também conhecidos como afiliados, se inscrevem no programa de afiliados e recebem um link exclusivo que rastreia as vendas que eles geram.

3 – Quando um cliente clica no link do afiliado e faz uma compra, a plataformas EAD de afiliados registra a venda e calcula a comissão devida ao afiliado com base na taxa de comissão acordada.

4 – A comissão pode ser paga de várias maneiras, como um percentual do valor da venda, um valor fixo por venda ou uma combinação dos dois.

5 – A plataforma de afiliados geralmente retém uma porcentagem da comissão como taxa de serviço ou processamento.

6 – Você deve fazer uma pesquisa e ver qual plataforma cobra quanto de cada comissão. 

Então, recapitulando, quando vale a pena você ter uma plataforma gratuita, quando vale a pena você pagar uma comissão para uma plataforma que tem alguns recursos legais e quando vale a pena você abdicar desses dois, quando você tiver um negócio formatado e ir para uma plataforma EAD completa, com gateway de pagamento, que possa te ajudar a gerir o seu negócio como um todo, simplesmente fazendo o cálculo de valor. 

Essas plataformas em geral são plataformas que você vai pagar uma mensalidade. Entretanto, a mensalidade é fixa, ela não vai te cobrando comissão a cada venda e esse custo aumentando.

Ou o custo de manutenção com o desenvolvedor, que cada vez que você precisa de alguma coisa, isso vai sair muito mais caro do que o aluno. 

Então, faça o cálculo, aqui eu tô sendo muito honesto, lógico que a gente tem na nossa plataforma EAD que é a Nochalks, queremos vender. Mas a Nochalks não é pra qualquer negócio, não é pra qualquer empresa. 

Se você está começando, principalmente quem está começando tem essas p plataformas ead gratuitas, estude elas, teste cada uma delas e veja qual vai adequar melhor pro seu negócio e mais pra frente você vai olhando, vai fazendo o cálculo e vai chegar o momento que você mesmo vai tomar a decisão de falar; “olha essas plataformas não estão mais oferecendo tudo aquilo que eu preciso, elas não desenvolvem recurso exclusivo pra mim, elas não são parceiras do meu negócio, é um produto de prateleira que tá ali e utiliza quem quiser, da forma que quiser, a partir do momento que não quiser não podemos fazer nada”

Então faça a sua avaliação, comece com essas plataformas e eu desejo de coração que você tenha muito sucesso com o seu negócio. 

Acho que quanto mais a gente fomentar esse mercado, melhor vai ser pra todos, pra nós da JMV Technology, para a plataforma EAD Nochalks e todas essas plataformas mencionadas e principalmente para quem tá do outro lado da tela assistindo às aulas, conteúdo de qualidade, cursos bem feitos, vai ajudar o Brasil, o mundo, como um todo os alunos a ter trabalhadores melhor formados, ou pessoas mais instruídas,

Seja tocando um violão, que seja a galera do TI, que seja a galera da unha de gel, independente. Teremos melhores profissionais e melhores pessoas também com a possibilidade de cursos EAD, a pessoa pode ter um conhecimento fantástico lá na pequena cidade do interior de Goiás e ela contribuir pro mundo com isso.

Então, é isso que a gente prega, é isso que a gente quer. E nós queremos muito que você tenha sucesso no seu negócio e quem sabe um dia você possa vir a ser cliente da plataforma EAD Nochalks e ser nossos parceiros!

professora dando aulas em plataformas ead

(Confira a transcrição completa do vídeo)

Nove plataformas EAD gratuitas para você criar o seu curso online. Sim,  nove. WordPress, Moodle, Chamilo, LMS Atutor, Canvas, Hotmart, Eduzz, Monetizze e Udemy.

Acabei de te falar as nove plataformas EAD, agora eu vou entrar em alguns detalhes importantes e explicar um pouquinho de cada uma delas. 

Primeiro, há de se avaliar vantagens e desvantagens de se utilizar plataformas EAD gratuita. Vantagens, é gratuito. Não tem custos, né? E cada uma dessas plataformas EAD que eu disse, elas vão te proporcionar algo diferente.

Uma é layout, uma é acessibilidade, a outra é o pagamento só de comissionamento. Eu falei que é gratuito a utilização. E não 100% gratuito. 

Desvantagens de se usar plataformas EAD gratuita. É importante saber que você vai estar “sozinho”. Você não vai ter um suporte técnico para te ajudar. Se tiver algum problema, se tiver alguma disponibilidade. 

O máximo que você vai ter é a hospedagem do site. Que pra você ter uma plataforma EAD gratuita, ainda sim você tem que registrar o domínio e ter a hospedagem do site em algum lugar pra que você hospede essa plataforma. 

Ela vai ser o código fonte hospedado em algum lugar, como se fosse hospedagem de um site, perfeito? 

Registre o domínio, hospede, e crie a plataforma EAD utilizando alguma dessas. 

Lembrando que as de afiliados que eu falei, elas não são hospedadas, auto-hospedadas, que a gente fala, ou seja, hospedadas no seu hosting, elas são na utilização dentro da própria plataforma.

 A gente vai falar já delas. E desvantagem, além do suporte, customização! Se você precisar de uma customização, você vai ter que contratar alguém para fazer se você não for programador, não tiver conhecimentos necessários para customizar e customizar qualquer coisa que seja. 

“Ah é uma plataforma EAD gratuita, o que eu preciso?” Bom, eu preciso do cadastro simplificado do aluno, eu preciso disponibilizar os cursos, eu preciso disponibilizar certificado. 

Para quem trabalha com cartão de crédito precisa integrar uma opção de pagamento, você precisa emitir nota fiscal. 

Então olha, eu fui aqui bem singelo. Todos esses passos ou você vai ter que aprender a fazer

ou você vai ter que contratar alguém pra fazer. 

Mas a vantagem é que não tem mensalidade. Você paga uma vez só e depois vai pagar só a hospedagem do site, quando ela é auto-hospedada. Trinta reais, quarenta reais por mês, dependendo do volume de alunos que você tenha.

 É muito barato. Sim, é muito barato, né? Entretanto, reafirmando, você não tem qualquer amparo tecnológico que você não contrate. Suporte, você não tem integração com live. Vai ter que ficar fazendo aquelas gambiarras. 

Puxa ao vivo do Zoom para dentro da plataforma. Puxa ao vivo do Google Meet, puxa ao vivo do YouTube. Hospedagem e vídeo: traz vídeos sem proteção do YouTube, do Vimeo ou de qualquer outra dessas plataformas de hospedagem de vídeo que não são criptografadas e não somente a criptografia em si.

O importante é que você tenha um ambiente completo para gestão do seu aluno, para sucesso do seu negócio

Que não seja seu sócio ,que não cobre valores exorbitantes. E é por isso que nós vamos falar de todas essas plataformas gratuitas para que você tenha um norte na hora de decidir entre utilizar uma plataforma gratuita ou utilizar uma plataforma privada da qual você vai pagar ali uma mensalidade, mas vai estar com todo o amparo necessário pro sucesso do negócio. 

Primeiro, WordPress. O WordPress faz a mesma coisa que as famosas área de membros aí pra galera do marketing digital, os infoprodutores

Área de membros nada mais é do que um mero controle de alunos. Você vai precisar integrar todas as aulas, seja ela gravadas ou ao vivo, fazer aquele movimento todo de integração de diversas ferramentas em uma só.

E isso faz muita gente desistir do negócio. Porque a operação fica tão complexa que é mais fácil você desistir do que tocar o negócio. Eu falo que eu já vi muita gente desistindo devido a complexidade que é fazer, contratam um, contratam outro para poder desenvolver.

Isso eu estou falando em área de membro, aquelas que você está pagando mensalidade. 

Então área de membros, esquece, não deve utilizar isso que não faz o menor sentido você pagar, pra isso você tem o WordPress. 

O WordPress você paga alguém pra desenvolver uma vez só, integra aquilo que você precisa e acabou. 

Desvantagem, as mesmas que eu citei antes. Vai continuar precisando integrar ao vivo com outra plataforma. Hospedagem de vídeo com outra plataforma. 

Lembrando, gente, quando a gente fala de criptografia, já viu lá no WhatsApp? Que fala assim, criptografia de ponta a ponta?

Justamente. Quando você tem um WordPress entre um vídeo criptografado, ela não está de ponta a ponta. A plataforma não é criptografada de ponta a ponta. Então existem ali margens para que os piratas tirem o seu conteúdo né? 

E façam uso indevido dele, vendem, enfim sabemos como é a pirataria, é um assunto muito sério que a gente já tratou em outras postagens. 

Beleza. Segundo, o Moodle, né? O Moodle é uma plataforma de treinamento à distância.

O EAD mais utilizado no mundo. Ele é derivado de um CMS que se chamava Joomla. A partir do Joomla extraíram aí o Moodle e desenvolveram a plataforma EAD, ela é muito completa, muito bacana.

Por exemplo, a gente tem cliente, não posso citar aqui o cliente específico, mas cliente do Governo Federal que utiliza Moodle para poder fazer suas aulas. 

E só que ele faz aquela integração, desvantagem do Moodle, a mesma coisa. 

Precisa customizar, pagar algum programador para fazer a customização, hospedar, trazer uma plataforma de vídeo, trazer uma plataforma de live, trazer uma plataforma de conferência, integrar gateway de pagamento, tudo de forma externa.

O Chamelon, o LS Atutor e o Canvas que eu estava esquecendo aqui de falar. E eu não estou falando do Canva, aquele aplicativo para edição de imagens, edição de vídeo, ele tem lá uns de vídeo para te ajudar a produzir conteúdo pras redes sociais principalmente.

Edição de fotos também, ele é bem legal, até recomendo você utilizar ele pra poder melhorar aí o marketing, suas redes sociais e tudo. 

Mas a plataforma que eu estou falando se chama Canvas LMS.

Todas essas que eu citei, o modus operandi dela que a gente fala é o mesmo. Elas são auto-hospedadas, o código fonte aberto e você vai precisar ter um desenvolvedor para poder fazer a customização necessária. 

E é nesse momento que você começa a ter atenção para fazer contas. O que vale a pena, até quando vale a pena utilizar uma plataforma gratuita.

Cada acionamento que você fizer com um desenvolvedor vai te custar uma grana, quanto vai custar? Aí depende do desenvolvedor que você contratar. 

Quando você for customizar a plataforma, integrar com o seu banco ou com o Cielo, PagSeguro, PayPal, enfim, qualquer que seja o gateway de pagamento que você for utilizar, terá um custo.

Um custo start para desenvolver e customizar a plataforma e um custo de manutenção. 

Sempre tem uma coisinha ou outra pra poder mexer. A gente trabalha com desenvolvimento de sistema desde os dezoito anos de idade. Acredite. Acredite. 

Sempre tem uma coisa ou outra pra dar manutenção e que a gente precise ter um programador.

Por isso que eu tenho meu time de programadores hoje, não trabalho com programadores terceirizados porque a gente não consegue focar naquilo que é necessário pro nosso negócio.

E agora nós vamos falar das famosas plataformas de afiliados, graças

a elas, sim, popularizaram os cursos online, popularizaram uma forma até inteligente de vender curso com os afiliados, entretanto, essa questão de afiliados vem decaindo bastante, mas ainda assim essas plataformas EAD são sim gratuitas.

Por que gratuitas? Porque você pode criar seu curso, organizar ele, até hospedar seu curso nessas plataformas e vender. A questão é que todas essas plataformas vão te cobrar um comissionamento. Aí varia de plataforma para plataforma.

Até agora nós falamos de cinco plataformas, certo? Então as quatro que estão faltando são todas da mesma classe, afiliados, agregadores, setorizados, cada um fala isso de um nome diferente. 

Hotmart que é a mais conhecida, Eduzz, Monetizze, Udemy que pouca gente conhece, muita gente do setor de tecnologia conhece a Udemy. 

Por exemplo, eu tenho vários cursos que eu comprei lá pra fazer, adoro a Udemy, tem curso bom, curso ruim, mas eu gosto também.

Tem cursos que eu já comprei na Monetizze, tenho cursos que eu comprei no Hotmart, cursos pra mim, para consumo pessoal. Então sei como funciona todas elas, por dentro também. 

São plataformas EAD bacanas, plataformas legais também e gratuitas. Só que aí, sabe a hora que eu falei de você começar a fazer conta?

São também essas plataformas de afiliados. Quantos por cento essa plataforma vai te cobrar? Então você tem que fazer o cálculo até que ponto compensa. Você utilizar uma plataforma gratuita ou utilizar uma plataforma gratuita de afiliados que ela já tem suporte, pode te ajudar.

Mas te cobra uma comissão, às vezes até um pouco exagerada, depende a plataforma aí, pode cobrar até sessenta, setenta por cento do lucro do seu curso fica com a plataforma.

Você faz uma pesquisa e você vai ver qual plataforma cobra, quanto de cada comissão. 

Então, recapitulando, quando vale a pena você ter uma plataforma gratuita, quando vale a pena você pagar uma comissão para uma plataforma que tem alguns recursos legais e quando vale a pena você abdicar desses dois, quando você tiver um negócio formatado e ir para uma plataforma EAD completa, com gateway de pagamento, que possa te ajudar a gerir o seu negócio como um todo, simplesmente fazendo o cálculo de valor. 

Essas plataformas em geral são plataformas que você vai pagar uma mensalidade. Entretanto, a mensalidade é fixa, ela não vai te cobrando comissão a cada venda e esse custo aumentando.

ou o custo ali de manutenção com o desenvolvedor, que cada vez que você precisa de alguma coisa, isso vai sair muito mais caro do que o aluno. 

Então, faça o cálculo, aqui eu tô sendo muito honesto, lógico que a gente tem na nossa plataforma, que a Nochalks, queremos vender. Mas a Nochalks não é pra qualquer negócio, não é pra qualquer empresa. 

Se você está começando, principalmente quem está começando tem essas nove formas, estude elas, teste cada uma delas e veja qual vai adequar melhor pro seu negócio e mais pra frente você vai olhando, vai fazendo o cálculo e vai chegar o momento que você mesmo vai tomar a decisão de falar; “olha essas plataformas não estão mais oferecendo tudo aquilo que eu preciso, elas não desenvolvem recurso exclusivo pra mim, elas não são parceiras do meu negócio, é um produto de prateleira que tá ali e utiliza quem quiser, da forma que quiser, a partir do momento que não quiser não podemos fazer nada”

Então faça a sua avaliação, comece com essas plataformas e eu desejo de coração que você tenha muito sucesso com o seu negócio. 

Acho que quanto mais a gente fomentar esse mercado, melhor vai ser pra todos, pra nós da JMV Technology, pro Nochalks e todas essas plataformas que a gente falou e principalmente para quem tá do outro lado da tela assistindo as aulas, conteúdo de qualidade, cursos bem feitos, vai ajudar o Brasil, o mundo, como um todo os alunos a ter trabalhadores melhor formados, ou pessoas mais instruídas,

Seja tocando um violão, que seja a galera do TI, que seja a galera da unha de gel, independente. Teremos melhores profissionais e melhores pessoas também com a possibilidade de cursos EAD, a pessoa pode ter um conhecimento fantástico lá na pequena cidade do interior de Goiás. E ela contribuir pro mundo com isso.

Então, é isso que a gente prega, é isso que a gente quer. E nós queremos muito que você tenha sucesso no seu negócio e quem sabe um dia você possa vir a ser cliente do Nochalks e ser nossos parceiros! 

Um grande abraço e espero ter contribuído de alguma forma para o seu negócio.

Ficou com alguma dúvida ou deseja conhecer mais dos nossos serviços? Clique aqui e fale com um especialista.

ESCOLHA UM ATENDIMENTO:
Contato por Chat CHAT
Contato por E-mail E-MAIL
Contato por Telefone TELEFONE
Contato por Whatsapp WHATSAPP